• Prefeitura de Feijó

Prefeito garante piso de 33,24% a professores e ticket de 500 reais ao pessoal de apoio

Atualizado: 5 de abr.

Em Feijó, prefeito Kiefer Cavalcante, sanciona lei que garante piso nacional de 33,24% no salário dos professores da rede e ainda autoriza ticket de alimentação de 500 reais para o pessoal de apoio da educação


O prefeito Kiefer Cavalcante garantiu o salário base dos professores municipais ao piso concedido em nível nacional, equivalente a 33,24%, a fim de continuar a valorização dos profissionais da educação. O reajuste contempla todos os docentes da rede municipal de ensino feijoense e será pago já no mês de abril, Os valores de janeiro a março de 2022, também serão pagos, mas em três parcelas iguais, dentro dos próximos três meses, conforme planejamento da equipe econômica do prefeito, sem afetar o caixa do município.



Desde o início da gestão, o prefeito vem aperfeiçoando a educação, realizou vários concursos públicos e processos seletivos, efetivando pais e mães de família, que há muito tempo sonhavam com o emprego permanente no educação municipal.



O prefeito também através de um planejamento responsável garantiu benefícios aos servidores de apoio da educação e eles passarão a receber um ticket alimentação no valor de 500 reais mensais, ou seja, contempla os professores e apoio, como serventes, merendeiras, porteiros e outros profissionais do setor educacional do município. O valor referente ao ticket será pago no dia 11 de abril de 202, próxima segunda-feira.



As boas notícias para a educação não param por aí, prefeitura já trabalha na atualização do Plano de Cargo, Carreira e Remuneração (PCCR) da educação, com o intuito de contemplar todos os professores, desde a formação iniciale continuidade, o processo de escolha de diretores das escolas, sistema de avaliação, progressão funciona, e continuar o processo iniciado pelo governo municipal atual de valorizar os servidores.


Galeria de Fotos


0 comentário