• Prefeitura de Feijó

Operação Gota realiza vacinação em comunidades de difícil acesso em Feijó



450 moradores das comunidades e aldeias indígenas foram atendidas pelo município

O Governo Municipal Feijoense por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e da Coordenação de Vigilância em Saúde (CVS), promoveu mais uma ação de vacinação contemplando diversas comunidades de difícil acesso, denominada “Operação Gota” realizada junto com o Ministério da Defesa, profissionais da Saúde e prefeitura de Feijó. A iniciativa garantiu o atendimento de crianças, adultos e idosos para cerca de 500 moradores do município.

De acordo com Ray Gadelha, coordenador da operação no município, o objetivo da ação é levar ações de saúde e intensificar a imunização em comunidades de difícil acesso.


Durante os dois dias de operação, foram contemplados mais de 450 pessoas das comunidades Boa Vista, Boca do Recreio, Porto Rubim, Novo Porto e Humaitá, Canadá., possibilitado pelo apoio de toda a equipe da coordenação de imunização municipal.


O secretário de saúde feijoense, Eronildo de Oliveira Sousa frisou que a Operação Gota do Governo Federal é um exemplo de responsabilidade social compartilhada, que leva vacinas e promove saúde para indígenas, população rural e ribeirinha.



"A ação coloca em prática o princípio da equidade preconizado pelo SUS e o grande trabalho de equipe com atuação dos profissionais do município. É uma operação corajosa e humanitária conduzindo da melhor forma possível a saúde da população em locais de difícil acesso”, ressalta Eronildo Oliveira.

O gestor da saúde municipal aproveitou para lembrar que Feijó já foi contemplado no ano passado com a mesma operação, beneficando 640 pessoas vacinadas contra gripe influenza, FA, Varicela, HPV, Tríplice Viral, ACWY, Covid-19, DTP, VOP, Pneumo 10, Meningo C, Penta valente, VIP, hepatite A nas mesmas comunidades.



0 comentário