top of page
  • Foto do escritorPrefeitura de Feijó

Em reunião com bancada, prefeito discute principais demandas do Acre e dos municípios



Cumprindo agenda em Brasília-DF, o prefeito Kiefer Cavalcante, participou de uma reunião de bancada, com os parlamentares federais acreanos, no congresso nacional, ao lado de prefeitos, vice-prefeitos, secretários e vereadores, a fim de discutir inúmeros assuntos em benefício de Feijó, e também saiu em defesa dos demais municípios e do Estado, tratando especialmente da BR 364, PAB Saúde (onde os parlamentares da última legislatura contemplaram poucos municípios), Preço das passagens aéreas para o Acre,

Aterro Sanitário e Censo do IBGE.


A fala do prefeito, foi muito elogiada pelos pares, e sensibilizou os deputados federais e senadores, e os ministros do governo Lula. O prefeito cobrou veemente, providências quanto a aplicação imediata dos recursos de 600 milhões anunciado pelo governo na manutenção e recuperação da BR 364, para evitar o isolamento dos municípios do Alto Jurua e Tarauacá/Envira, da capital, medidas para redução do preço da passagem aérea e dos altos custos dos produtos que chegam aos municípios mais distantes, lembrou, que com a ponte do Rio Madeira, a ideia era que o frete para combustíveis e alimentos ficassem mais baratos, mas não é isso que vem ocorrendo.


O prefeito também frisou bem, que a bancada acreana, precisa dialogar mais abertamente os problemas das cidades com os prefeitos, a fim de destinar emendas para beneficiar os municípios. Kiefer destacou mais uma vez, as principais demandas dos prefeitos no momento, incluindo a recuperação da BR 364, tarifas aéreas elevadas, voos para o Acre, recursos de emendas para manutenção dos serviços de saúde, aterros sanitários e revisão do Censo.


“Estou aqui, pedindo ajuda dos deputados federais, senadores, ministros de estado, e demais poderes, precisamos ajudar os municípios do Acre, Feijó precisa de ajuda. Temos que unir esforça, sermos solidários as pessoas, e temos que dar resposta as demandas urgentes, que impactam as pessoas, pois elas vivem nos municípios, logo, peço a ajuda do Governo Federal para resolver os problemas do nosso Estado e dos nossos municípios”, disse o chefe do executivo feijoense.



0 comentário
bottom of page