top of page
  • Foto do escritorPrefeitura de Feijó

24º Festival do Açaí de Feijó é sucesso de público e de economia

Atualizado: 23 de ago. de 2023

O 24º Festival do Açaí de Feijó, que aconteceu entre os dias 18 e 20 de agosto, foi um sucesso de público e de economia. O evento reuniu mais de 53 mil pessoas, que puderam aproveitar uma programação diversificada, com shows musicais, apresentações culturais, gastronomia e atividades esportivas.



O festival também foi uma oportunidade para os empreendedores locais comercializarem seus produtos e serviços. Cerca de 150 ambulantes e comerciantes participaram do evento, gerando cerca de 500 empregos indiretos.


O prefeito de Feijó, Kiefer Cavalcante, destacou a importância do festival para a cidade. "O Festival do Açaí é uma festa tradicional que mostra o Acre para aqueles que não conhecem o estado", disse. "O evento também é uma oportunidade para movimentar a economia local e gerar empregos", completou.


Gilberto Braga, coordenador da Rádio Difusora Acreana, é um dos organizadores do evento. Para ele, a parceria entre governo e prefeitura para a realização do festival eleva o conceito e a credibilidade da festa. “É uma festa que você faz para o município, mas tem-se uma dimensão de estado. O Festival do Açaí é uma festa tradicional que mostra o Acre para aqueles que não conhecem o estado”, explica.

O Festival do Açaí é o maior evento de Feijó e um dos maiores do estado. A festa é uma oportunidade de apresentar a diversidade cultural que torna o município acreano tão rico e fascinante.


Matheus Freire, de 19 anos, é recepcionista e conta que já participa da festa há muitos anos e que, para ele, essa foi uma das melhores edições. “Esse ano está mais organizado. Amei os shows, dancei muito e gostei bastante. Já estive nas barracas de alimentação e está tudo incrível”, conta.


Fomento da economia local

Além do divertimento e visibilidade que o evento garante a Feijó, a economia local também é beneficiada.

Nesta edição, 150 empreendedores puderam trabalhar no local. “Esse número vai desde os ambulantes, até a parte de diversão e alimentação fora do lar. Eu me impressionei com a quantidade e o movimento de pessoas nessa edição”, explica Jairo Negreiros, gerente regional do Sebrae.


O secretário de Administração de Feijó, Wisley Monteiro, também comemorou o sucesso do festival. "A meta do ano passado foi superada e o festival se torna uma fonte de renda e emprego. Nos três dias de evento são quase 500 empregos indiretos".



Wisley também destacou que a estimativa do ano passado de R$ 1 milhão de reais, foi superada. “A meta do ano passado já foi superada e o festival se torna uma fonte de renda e emprego. Nos três dias de evento são quase 500 empregos indiretos”, destaca.


“Consegui lucrar cerca de 8 mil reais nesses três dias de festa”, relata Luciano Abreu, que esteve vendendo bebidas no evento.


O festival foi um sucesso de público e de economia. O evento contribuiu para promover a cultura e a gastronomia do Acre, e também para movimentar a economia local.

0 comentário

Comments


bottom of page